Parem tudo o que estão fazendo, hoje venho mostrar o MELHOR livro de contos e crônicas de 2018! (Ano recém começou, eu sei, mas esse livro é sensacional!)
      Fiz muuuitas marcações de frases nele (tirando os textos inteiros que eu marquei), esse livro possui textos que são capazes de tocar o leitor e fazê-lo sentir todo o tipo de coisa. Seja saudade, nostalgia, libertação.

TÍTULO: Pretérito mais-que-perfeito
AUTOR: Renato Gouveia
ANO DE LANÇAMENTO: 2017
NÚMERO DE PÁGINAS: 110 páginas EDITORA:Autografia
SINOPSE: Permitam-me explicar essa ampulheta na capa do livro. Obviamente ela representa o tempo e o título é um tempo verbal. Até aí, tudo muito óbvio! Acalmem-se que vou me aprofundar. Toda a areia na parte de baixo representa o passado, o pretérito, mas há mais significado do que isso. Gosto do conceito da ampulheta por ela ser reversível. A areia acaba, o tempo acaba, mas é possível colocá-la de ponta-cabeça e ter um recomeço, se dar mais tempo, mudar as circunstâncias e deixar as coisas se ajustarem novamente. Nem tudo está perdido. Esse conceito me dá esperança, calma e me faz seguir adiante, com a certeza de que irei viver outras coisas maravilhosas que também se tornarão "pretéritos mais-que-perfeitos."

       O livro já começa com um poema incrível, "Deixa pra lá, meu bem".  Não consegui marcar somente uma frase, marquei logo o título dele para sempre lembrar.
"Deixa pra lá, meu bem,
Apesar de eu ainda não querer mais ninguém, 
Não vou mentir e dizer que não "te" quero mais,
Mas só quero se, desta vez, você vier atrás..." - pág 6
        Fora esse poema, além dos váriooos quotes selecionados, quero destacar também os textos "A saudade", "O sentido da vida" e o "Como era bom". Vou mostrar o porquê eles se tornaram meus favoritos, dêem uma olhadinha em alguns quotes desses textos:
"Isso porque a saudade "funciona" dum jeito estranho: ela sempre está lá, mas pode "adormecer" por um longo período e "acordar" quando a gente menos espera." - A saudade
 "A falta dum amor pode parecer o fim do mundo, mas não é porque, por sorte, o amor existe de diversas formas e está em todo lugar." - O sentido da vida
 "Sei que não significou a mesma coisa para você, mas espero que, de vez em quando, "olhe para trás", lembre-se dalgumas coisas e abra um sorriso ao pensar "Como era bom!" - Como era bom
         E aí, já te convenci do quão incrível esse livro é?


       Não tenho o que reclamar da edição desse livro, pelo contrário. Novamente a Editora Autografia fez um ótimo trabalho tanto em diagramação quanto na revisão. O texto além de não conter erros, é de um tamanho agradável aos olhos, fazendo com que o leitor possa ler o livro em uma sentada só.
       A capa tem uma ampulheta com o "tempo" quase acabando. Na minha interpretação, ela foi usada para fazer referência a alguns textos do livro (obviamente) e é para principalmente mostrar que o presente está passando, não devemos nos apegar somente em fatos do pretérito, mesmo ele sendo "Mais-que-perfeito", haha.

       Eu amei ter feito essa leitura, meu único arrependimento foi de não ter lido esse livro no momento em que eu recebi. Os textos, além de descreverem perfeitamente o que eu sinto muitas vezes (bad reina aqui, confesso), conseguiram me passar um imenso sentimento de conforto comigo mesma. 
       Para finalizar esse livro, tem outro poema que eu favoritei. Na página 106, o poema "Chega (mais)" mostra claramente o que eu sinto muitas vezes. É um sentimento de bipolaridade no amor, quando o coração manda fazer uma coisa e o cérebro outra totalmente diferente, quando você ama muito alguém mas tem diversos motivos para não ficar com essa pessoa. Vocês conseguem me entender? 


 "Posso até suportar eu estar "completamente perdido", mas não suportaria se você me perdesse. Então, por favor, não me perca." - pág. 8
"Pretérito mais-que-perfeito: é o tempo verbal da saudade. Como o nome já "diz", o passado foi mais do que perfeito, e, muitas vezes, dói só de lembrar dos bons momentos." - pág. 22
"Acho que o amor é algo que se constrói. "Pra" mim, é algo que vem com o tempo: depois "que" as pessoas envolvidas passam por coisas legais juntas, ou até mesmo coisas tristes... Passar juntos por coisas em geral, eu diria." - pág. 36
"Quem pensa em cometer suicídio acha que, ao fazê-lo, não vai dar oportunidade de as coisas piorarem, mas o que essas pessoas precisavam perceber era que cometer suicídio, na verdade, tirava-lhes a oportunidade de as coisas melhorarem. - pág. 40,41
"Tudo é REversível porque da mesma forma que não existe felicidade eterna, também não existe tristeza eterna;" - pág. 95
       Espero que a escrita do Renato possa tocar o coração de todos igual fez comigo. Por hoje é só, pessoal. Até a próxima 🎔

      

24 Comentários

  1. Amo resenhas cheias de quotes como a sua! Adorei muito teu post e o livro parece ser super interessante!

    Beijinhos da Paty ;)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii, Paty!

      Fico feliz que você tenha gostado. O livro é incrível, super te recomendo.

      Beijos

      Delete
  2. Convenceu sim rs
    Sua resenha está pra lá de empolgante, eu amo poemas , poesia e achei tudo muito interessante!
    Parabéns! Bjs

    ReplyDelete
    Replies
    1. Hahaha. Eu gostei demais desse livro, super te recomendo essa leitura.
      Beijos!

      Delete
  3. Olá!! :)

    Eu confesso que não conhecia o livro e que não estou acostumado ao género, e a ler muita poesia...

    Enfim, fiquei curioso... Ainda bem que so te arrependes de não ter feito a leitura mais cedo...

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii!

      O livro é de contos e crônicas, as poesias existem somente para começar/fechar o livro.
      Que ótimo que a minha resenha te deixou curioso, recomendo muito essa leitura.

      Beijos

      Delete
  4. Para mim livros desse tipo são um pouco mais difíceis de ler, mas gostei de conhecer um pouco sobre essa leitura através dos seus olhos.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii, Mari!

      Por que dificeis? Essa leitura é leve e incrível. Parece que o autor conhece o íntimo de cada leitor, hahaha.
      Beijos!

      Delete
  5. Oiieee

    Que bom que vc gostou, olha realmente dá pra sentir o quanto te conquistou a escrita do autor. Te confesso que não sou muito de ler contos ou cronicas, não consigo me prender muito à leitura. De momento acho que vou passar a cida, quem sabe um dia...

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii, Larissa!
      De verdade, eu me apaixonei por esse livro! Hahaha.

      Uma pena não ser de seu gosto esse gênero, ele é ótimo.
      Beijos!

      Delete
  6. Olá, tudo bem? Li esse livro há pouco tempo e simplesmente amei, então fico bem feliz que tu tenha gostado também. São contos e crônicas que nos fazem sentir várias coisas diferentes, haha. Ótima resenha!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii, Larissa, tudo sim e com você?
      Aaaah que bom que você gostou, nossas opiniões são parecidas haha.
      De verdade, parece que o autor conhece o íntimo de cada leitor.
      Beijos, obrigada!!

      Delete
  7. Adooro livros de contos/crônicas. E é mais legal ainda saber como o livro conversa com os problemas de quem lê

    ReplyDelete
    Replies
    1. Simm!! O autor parece conhecer o íntimo do leitor, super te recomendo essa leitura, tenho certeza que você irá gostar.

      Beijos

      Delete
  8. Olá! Fico feliz que tenha gostado da leitura, você separou tantas partes bonitas do livro que é difícil não querer ler tudo haha Gostei bastante da sua resenha separada em tópicos e devo dizer que amei o seu cantinho aqui (adoro girassóis <3)

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii, Ritchelly!
      Se eu fosse separar todas que eu gostei, deixaria linkado o PDF do livro também, hahahaa. Ele é incrível do inicio ao fim, o autor parece conhecer o leitor e escreve de uma maneira que encontra o seu íntimo.
      Também amo girassois, essa é a primeira resenha separada em tópicos e fico feliz que você tenha aprovado!!
      Beijos

      Delete
  9. Olá, tudo bem?
    Adorei os quotes que você destacou e ficou evidente o quanto você gostou da leitura. No entanto, admito que não é meu estilo de leitura. Não gosto muito de livros de contos e crônicas e, por mais que a maneira como você falou sobre esse livro deixe claro o quanto a escrita do autor é apaixonante, vou passar a dica dessa vez.
    De qualquer forma, ótima resenha.
    Beijos!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Oii Maria, tudo sim e com você?
      Realmente, eu amei ter feito essa leitura. Precisava ler alguns dos textos nesse momento de minha vida.
      Sabe quando você está passando por algo e mesmo contando, parece que ninguém entende? Eu estou passando por isso e por meio de textos, o autor descreveu direitinho.
      Uma pena não fazer o seu tipo.
      Beijos

      Delete
  10. Apesar de gostar de poemas, faz um bom tempo que eu não leio. Gostei desse livro ainda mais dos quotes que você mostrou.
    Bjs Rose

    ReplyDelete
    Replies
    1. Que ótimo que você gostou!
      O livro tem poemas e textos incríveis, te indico muito ele!
      Beijos

      Delete
  11. Oi, tudo bom?
    Não conhecia esse livro e confesso que não gostei muito da capa, mas não é a capa que lemos, né? Hahaha. Adorei os quotes que você separou, parece ser um ótimo livro.
    Até mais o/

    ReplyDelete
  12. Oie, tudo bem?
    Ainda não conhecia esse título, mas como estou numa vibe de ler livros de contos e crônicas, fiquei interessada em fazer essa leitura. Adoro quando uma obra nos dá essa sensação de pensar: Por que não li esse livro antes, sabe?
    Vou anotar essa dica, sem dúvidas.
    Beijos

    ReplyDelete
  13. Olá!Tudo bem?
    Gosto muito de livros de contos,sempre me chama a atenção cada história contada.
    Nunca li nada voltado a poesias ou poemas,mas gostei bastante das citações marcadas,seria aquele livro que eu iria gastar todos os meus post-it.haha
    Adorei conhecer tudo sobre o livro.
    Beijos

    ReplyDelete
  14. Oie
    muito amor de livro parece ser, adorei ver seus elogios e comentários sobre pois com certeza me deixou bem curiosa e espero ter oportunidade de ler em breve

    beijos
    http://www.prismaliterario.com.br/

    ReplyDelete